X Contos Eroticos » Orgias » Swing com um Casal Delicioso

Swing com um Casal Delicioso

  • 18 de abril de 2024
  • 251 views

Conhecemos o casal Leonardo e Carla ( nomes fictícios ), ambos na faixa dos 30 anos, começamos a teclar e fomos criando afinidade, em pouco tempo trocamos fotos das esposas; quando sergiu oportunidade marcamos um encontro em sua residência.
Minha esposa se preparou deixando a buceta depiladinha, colocando uma lingerie verde e vestido longo.
Ao chegarmos na casa do casal sentamos no sofa e começamos a beber e conversar bastante, aos pouco fomos pegando afinidade e dei liberdade pro Leonardo se aproximar e acariciar minha esposa. Leonardo é baixo, branco, franzino, porém com um cacete avantajado; Carla e loira, alta, seios grandes, bunda grande e um pouco gordinha.

Colocaram uma música onde Carla começou a dançar, cheguei por trás dela levantando seu vestido visualizando sua calcinha preta e acariciando sua bunda, já Leonardo retirava o vestido da minha esposa acariciando seus peitos e sua buceta ainda por cima da calcinha, fazendo minha esposa delirar de tesão. Após arrancar a calcinha da minha esposa Leonardo a fez chupar seu cacete que era muito grosso, mas mesmo assim, ela chupou com vontade, onde coloquei Carla pra chupar os peitos da minha esposa enquanto eu chupava a buceta da minha esposa. Trocamos de lugar onde eu fui chupar os peitos da minha esposa, Carla passou a chupar sua buceta enquanto ela continuava chupando o

cacete do Leonardo. Trocamos novamente onde minha esposa chupava meu pau, Carla chupava seus peitos e Leonardo chupava sua buceta, minha esposa não aguentando mais de tesão implorou pra ser penetrada.
-” Aí para! vcs estão me matando, estão jurando de mim, mete na minha buceta, mete, eu quero pica, me come por favor”.
Leonardo colocou uma camisinha, deitou minha esposa no sofá, entrou no meio de suas pernas e passou a meter de frente em sua buceta, onde ela gemia muito.
– ” Ah! Que cacete grosso, tá esfolado minha buceta, mete, mete me arromba toda”.

Coloquei camisinha e passei a comer Carla por traz, metendo em sua buceta, enquanto assistia Leo estocar a buceta da minha esposa. Após se levantaram para ir pro quarto, percebi que minha esposa tinha gozado na pica do Leonardo, pois, dava pra ver seu gozo escorrendo pela perna. Foram para o quarto enquanto permaneci na sala com Carla. Enquanto comia a buceta de Carla, estando ela de quatro, comecei a lubrificar seu cozinho, onde ao tentar

penetra -lá, só me pediu pra por devagar, não oferecendo resistência; comi seu cu com gosto, bombei forte por um bom tempo, onde parei de meter, tirei a camisinha e chamei Carla para ir pro quarto, onde estavam Leonardo e minha esposa, onde presenciei minha esposa cavalgando o cacete do Leonardo. Fiquei assistindo a cavalgada da minha esposa onde Leonardo não resistiu e gozou na buceta da minha esposa, enchendo a camisinha de porra, Leonardo foi ao banheiro me deixando sozinho com as duas, nesse momento Carla chega no meu ouvido e diz:

-” Quero beber sua porra”;
Deitei na cama, puxei minha esposa pra cima de mim e chupei sua buceta recém arrombada por Leonardo estando com gosto de camisinha e bem aberta devido a grossura do seu cacete, enquanto isso Carla chupava meu pau pedindo pra gozar na sua boca. Após um tempo minha esposa começou a gozar na minha boca onde não resisti e gozei na boca de Carla, que engoliu toda minha porra.
Depois disso tomamos banho, bebemos mais algumas cervejas e fomos embora.

Contos relacionados

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2024 - X Contos Eroticos