X Contos Eroticos » Fetiches » Transando no no posto de gasolina

Transando no no posto de gasolina

  • 14 de abril de 2024
  • 108 views

Eu vi na internet uma vadia que trepava com o frentista no posto de gasolina.
Fiquei com isso na cabeça e resolvi fazer tbm.
Falei para o meu marido e ele me disse que teria que ser na madrugada e pesquisou os postos 24 HS., havia vários no centro e saímos uma madrugada em busca de aventuras.

Eu já fui pelada para facilitar as coisas e passamos por vários postos até achar um com um frentista gostoso. Escolhido o alvo paramos para abastecer, o negocinho de gasolina ficava do meu lado carro, o frentista ao me ver nua ficou muuuuito excitado e eu desci do carro para ele ver melhor o material, perguntei se ele tinha gostado e ele disse que havia gostado muito, perguntei se tinha algum lugar pra gente foder e ele falou que no lava jato não pegava as câmeras. O frentista era um moreno alto de +-uns 30 anos.

Terminamos o abastecimento e eu fui pagar na conveniência. O garoto do caixa não acreditou ao me ver entrado pelada na loja, tbm gostei dele e ofereci a bucetinha pra ele tbm.
Combinamos que eu foderia primeiro com o frentista enquanto o caixa ficava tomando conta do posto e depois trocariamos.
Acontece que uma mulher circulando pelada num posto de gasolina no centro da cidade não passa despercebida e começou a juntar alguns curiosos.
Fui com o moreno para um ponto do lava jato onde não era possível ver de fora, já tinha gente filmando e ele não queria perder o emprego.

Baixei as calças deles e surgiu uma linda piroca comprida fina e com uma chapeleta enorme. Comecei a chupar a pica dele até ficar durinha, me apoiei num móvel ficando de costas para ele e arrebitando bem a bundinha oferecendo a xaninha pra ele, ele veio por trás e cravou sem do nem piedade, cravou forte e rápido, eu pedi calma mas o cara era bruto. Sentei no móvel com as pernas arreganhadas e ele veio de frente metendo tudo de uma vez eu gozei logo e pedi para ele gozar fora pq ainda tinha mais um.

Para minha surpresa o baixinho do caixa chegou acompanhado de mais um com roupa de segurança. Disse que era o segurança do posto. Eu falei que se seriam dois teríamos que fazer alguma coisa mais elaborada, tipo um chupa a buceta e eu chupo o pau do outro. Perguntei onde poderia lavar a buceta e eles falaram que tinha o esguicho do lava jato, eles mesmos passaram um sabão e lavaram minha buceta ali mesmo. Buceta limpa começamos os trabalhos, comecei chupando o pau do segurança e oferecendo a xaninha para o baixinho chupar, depois trocamos, eu estava muito excitada e gozei na chupada mesmo. Começaram a me comer e como os dois tavam ansiosos para trepar revezei as picas. Para acabar com a competição ofereci o cuzinho e eles me sanduicharam, o segurança que tinha a pica menor ficou no cuzinho, os dois logo gozaram mas eu não. Estavam satisfeitos mas eu queria mais fiquei

batendo na buceta e exigindo mais pica, eles não se importaram, macho quando está satisfeito é assim mesmo. Eles falaram que tinha juntado bastante gente no posto e que eles convidaram mais um para meter comigo.
Entrou um motoqueiro tipo entregador novinho tbm. Foi logo baixando as calças e tinha uma pica enorme, comecei chupando ela, ele era do tipo que xinga, mas eu não ligo pq é verdade. Falava coisas do tipo chupa tudo sua vadia, cadela, puta, safada, piranha, vagabunda. Na verdade eu até gosto. Depois fiquei de 4 e mandei ele meter forte, ele

meteu mesmo e me fez gozar e ainda comeu meu cuzinho e gozou lá dentro. Me lavei no esguicho e saí rebolando. Havia juntado bastante gente e havia mais alguns querendo me comer tbm. Mas eu já estava satisfeita e me exibindo mais um pouco rebolando até a conveniência comprando alguma coisa e indo embora.
Foi uma aventura muito legal e havia gente filmando, talvez vcs até vejam nas redes sociais.
Meu marido sugeriu que dá próxima vez fossemos num posto de beira de estrada onde ficam os caminhoneiros e com certeza não vai faltar pica para mim. Até já escolhi o lugar e um posto chamado g-10, bem movimentado mesmo durante a madrugada. Assim que nós formos eu prometi contar aqui.

Contos relacionados

Comentários

Uma resposta para “Minha amante casada”

  1. Ad disse:

    Gosto de passivo sou ativo de Salvador

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2024 - X Contos Eroticos