X Contos Eroticos » Fantasias » Ela deu pra outro e eu assisti pelo whats

Ela deu pra outro e eu assisti pelo whats

  • 22 de setembro de 2020
  • 2942 views

Essa história é verdadeira. Somos casados há 23 anos, minha esposa se chama Helena e é uma morena muito gostosa, siliconada com seios perfeitos, bunda gostosa, malhada, 1,70m, peso 65 kg, temos 2 filhos e um casamento muito estável e feliz.

disksexo

Há muito tempo tenho incentivado minha esposa a arrumar um amante, na primeira vez que falei, ela ficou muito nervosa, achando que eu tivesse uma amante ou não a amava mais.

Aos poucos fui convencendo-a de que meu sonho era ser corno, dizendo que meu desejo era vê-la transando com outro homem.

Após muitas investidas, ela começou a gostar da ideia de transar com um estranho, disse que tentaria arrumar um amante para realizar nossos desejos.

Achei que ela não levou muito a sério essa minha vontade. Depois de um certo tempo, apareceu um colega com a qual ela já havia trabalhado e que não via há tempos. Ele estava morando em uma cidade bem distante e apareceu de forma repentina, após uma postagem dela no Facebook.

Naquela época em que trabalharam juntos nunca rolou nada entre eles, apesar das minhas suspeitas e também das investidas que ele sempre fazia. Começaram a trocar mensagem bem safadas, relatando seus desejos de transarem, isso foi por um bom tempo, trocaram fotos bem sem safadas de nudez explícita.
Depois de um tempo, ela já não aguentava mais de tanto tesão e vontade de dar para ele, queria muito, estava certa, seria ele que iria realizar o meu desejo e agora também o dela de qualquer jeito. Em nossas transas na cama era sempre imaginando gozando no pau nele.

Por varias vezes, tentamos marcar para que se encontrassem mas sempre dava errado, como disse, ele morava muito longe e raramente vinha ao nosso Estado. Com a convocação para um treinamento, ele teve que vir e a avisou, finalmente conseguiram marcar para que se encontrassem.

Pois bem, nesse dia ela se preparou como nunca tivesse transado com ninguém. Colocou sua melhor calcinha, passou perfurme em todo seu corpo maravilhoso e fomos ao encontro.

Chegamos e eu a deixei onde ele estava hospedado, queria ter subido junto, mas não fui, estávamos nervosos com nossa primeira vez.

Respeitei o desejo dela, disse que se eu estivesse presente talvez não conseguiria na hora da transa… Aceitei, desde que me enviasse fotos e vídeo durante a sacanagem…

Ela avisou que estava na recepção, ele desceu para recebê-la, quando a viu beijou ardentemente no saguão. Subiram, se beijaram no elevador, já no quarto, ele lascou outro beijo ardente nela… Ela não ficou atrás e o beijou bem gostoso.

Aos poucos ela foi abrindo sua camisa branca e beijando cada parte de seu corpo. Ele foi a despindo bem vagarosamente, beijando todo seu corpo, começando chupar seus seios, que ficaram duros e arrepiados.

Aos poucos já estavam completamente nus, ela começou a chupa-lo bem vagarosamente, detalhe o cara era roludo, a camisinha não coube, ela chupou aquele pau, como nunca tivesse chupado meu pau. Mamou muito até que ficasse bem duro e ainda maior.

Ele a deitou na cama e fez uma massagem com óleo de morango fazendo seu corpo a arrepiar de tesão. Ela montou em cima dele sem camisinha, que tesão… fazendo sua rola entrar bem devagar, fizeram muitas posições, e a cada uma delas me enviava fotos no WhatsApp, dizendo “tá gostando seu corno?”

Eu estava em um outro hotel, aguardando as fotos. Meu pau estava duro só de imaginar ela dando para um dotado. Ele filmou com o celular dela, ela chupando seu pau bem dotado e melado e me enviou, eu não resisti, gozei só de ver.

Ela me contou que ele a comeu intensamente, fazendo ela se arrepiar. Fizeram todas as posições possíveis e imagináveis. Por fim, ele a colocou de quatro e comeu com a força, deu uns tapas em sua bunda, dizendo assim que gosta sua “putinha”. Minha esposa só gemia de prazer naqueles vídeos que me enviou.

Ficaram assim por quase 40 minutos, ele já não mais aguentava e gozou em sua bunda e melou a tatoo tribal em suas costas. Assim que ele gozou, ela virou e colocou seu pau melado na boca e chupou até ele ficar sem nenhuma porra, engoliu tudo que podia.

Depois disso foram tomar banho juntos. Ele esfregou seu corpo carinhosamente, ela lavou o pau meladinho dele e mamou de novo até que ele gozasse de novo, só que dentro da sua boca.

Depois dessa transa, ela pegou um táxi e foi para o hotel onde eu estava aguardando cheio de tesão, fomos jantar e tomamos um vinho para comemorar a noite inesquecível. Transamos de forma intensa, ela me chupou muito e eu chupei cada parte de seu corpo até gozar na sua buceta melada, pensando na putaria que ela fez com aquele amigo.

Confesso que estava muito enciumado dessa transa, queria brigar, mas me segurei, afinal fui eu que queria ser corno, meu amor por ela está acima de tudo.

Adorei essa primeira aventura, passei a amá-la ainda mais, nosso relacionamento é pura cumplicidade, gostaria que isso se repetisse, estamos avaliando essa possibilidade. Queremos alguém mais próximo, confiável e discreto.

Contos relacionados

Comentários

1 comentário para “Comendo o cuzinho da mamãe

  1. Franco • 28 de janeiro de 2020

    Atendo jovens senhoras carentes,com local da capital.Sigilo absoluto.
    [email protected]

© 2020 - X Contos Eroticos