X Contos Eroticos » Incesto » Não resisti e comi a irmã do meu amigo

Não resisti e comi a irmã do meu amigo

  • 9 de setembro de 2018
  • 3031 views

A irmã do meu amigo se chama Camila tem 26 anos, ela já foi casada, mais se separou depois que descobriu que o marido dela estava traindo ela com uma outra mulher, Camila é gostosa, tem um belo corpo ela é um pouco acima do peso por isso tem umas dobrinhas gostosas, mais nada que venha fazer ela perder o corpo gostoso dela.

Bom isso ocorreu na noite de uns dias atrás. Estávamos na igreja arrumando lá pro culto das crianças, então estávamos enchendo balão ela estava de short na altura do joelho meio apertado e com uma camiseta rosa meio curta, então se ela levante-se os braços mostrava a barriga dela, bom com uma certa quantidade de balões enchidos fomos por eles no arco, ela subiu na cadeira e foi colocar o balão ela levantou os braços, a camiseta dela subiu e mostro a barriga, mais como o short estava um pouco caído mostro mais do que só a barriga mostro um pouco de pelos da área de cima da buceta, como tenho uma certa tesão por buceta peluda, não aguentei e fiquei de pau duro e fiquei olhando ela noto que eu estava, de pau duro e que eu tinha visto os pelos dela.

disksexo

Com tudo pronto, fomos embora no caminho ela perguntou se ela podia me fazer uma pergunta, falei que ela podia, ela perguntou ” se eu teria coragem de namorar com ela” falei que sim, falei que ela tinha um belo corpo, era uma menina linda, dedicada, independente.

Vi que ela estava um pouco carente, fui e abracei ela, ela começou a chorar e ela acabou me beijando, depois disso acompanhei ela até a casa dela abraçado com ela, quando chegamos lá ela me deu mais um beijo e me chamou pra entrar porque tinha algo pra me mostrar, entrei ela pediu pra mim sentar no sofá, ela sento do meu lado, e falou que queria transar, e já foi passando a mão no meu pau ela falou que viu eu olhando pra barriga dela e que deixar os pelos a mostra foi de propósito, falei que sim e que já sentia tesão por ela, começamos a nós beijar tirei a camiseta dela, e o sutiã, ela abriu minha calça e abaixo ela e minha cueca, tirei o short e a calcinha dela, bucetinha peludinha, pelos aparados meio baixos, falei vamos pro seu quarto, pra gente ficar mais a vontade, deixamos as roupas na sala mesmo deitei na cama dela, e pedi pra ela deitar ao contrário em cima de mim, comecei a chupar aquela bucetinha dela, enquanto ela me chutava e me masturbava, chupei ela com vontade ela gemia gemia alto, pedi pra ela sentar com a buceta na minha cara, ela sentou chupei passava a língua r ela gemia e pedia pra mim chupar mais, chutava com mais força e vontade até que ela gozou na minha boca, ela deito na cama e eu deitei por cima dela, ela falou pra mim isso me come, me faz mulher hoje, como fazia mais de meses que rla não Fodia dês deque se separou a buceta dela estava fechadinha como se fosse virgem, comecei a colocar ela gemeu, e falou isso mete, comecei a meter com força ela gemia gritava isso vai mais forte mete com força me arromba, me estrupa, comecei a chupar os peitos dela, ela gemia ela forçava minha cabeça contra os peitos dela pra mim chupar, tirei o pau rapidao e gozei na barriga dela perto da buceta, vi minha porra escorrer pela barriga dela, falava que delícia gostoso, quentinha, enquanto ela espalhava a minha porra pela sua barriga, deitei do lado dela e beijei ela falei, você da seu cuzinho pra mim da Camilla, ela falou, dou mais vai com calma porque dele sou virgem, pedi pra ela ficar de quatro e abri a bunda com as mãos, ela fez isso, cuzinho Lizinho, rosadinho, soquei o dedo e ele contraiu ela gemeu, cai de boca naquele cuzinho chupei com vontade ela gemia com gosto, coloquei a cabecinha do meu pau ela gemeu, quando entro tudo comecei a meter com força segurei firme na cintura dela, e meti com vontade, ela gemia gritava, falando pra parar que estava doendo, depois ela foi gostando e pedia mais, meti com força, gozei dentro tirei meu pau e ela virou pra não escorrer pra buceta e vi minha porra escorrer, misturado com um pouco de sangue, que saiu quando arrombei o cuzinho dela. Não levantamos e fomos tomar banho, tomamos, colocamos a roupa, e me despedi dela dei um beijo nela e falei sempre que quiser fazer isso pode me chamar e foi embora.

Contos relacionados

Comentários

1 comentário para “Sexo No Avião é Mais Gostoso

  1. Carlos gomes • 5 de dezembro de 2018

    Ótimo conto, safadinhas chamem 02163992403395

© 2019 - X Contos Eroticos