X Contos Eroticos » Lesbicas » Minhas Amigas Me Fizeram Vadia

Minhas Amigas Me Fizeram Vadia

  • 14 de julho de 2019
  • 4450 views

Boa noite loucos devassos da minha vida… Meu nome é Edna e talvez sejam três contos… Sou morena alta e magra com seios com bicos ainda para dentro (tenho 22 anos e sexo em si jamais foi uma satisfação que me excitava muito) a não ser em uma fantasia minha… Com meus 20 anos meu padrasto me comeu em uma fantasia louca em que minha mãe não só soube como estava junto… Mas enfim sou secretária em uma empresa de advogados e tenho duas amigas ali, uma de infância a Juliana essa ruiva com 26 anos e a outra nossa nova amiga a Luana ruiva casada com 30 anos ambas lindas e… Sacanas… A Juliana era louca que a Luana traísse o marido e eu era a inocente da parada… Vez por outra íamos e dormíamos nas casas umas das outras mas enfim falávamos de sexo e as duas eram safadas

disksexo

com Juliana louca dando encima do marido da Luana que se divertia com isso… Quando na minha casa (moro sozinha) quanto na da Juliana até eu queria que ela traísse o marido pois sempre apoiei as fantasias da louca Juliana essa a puta da rua quando mais novas… Ela tinha moral e mais umas coisas que depois acabei descobrindo mas que me libertaram… Mas enfim chegou o ano novo e a Juliana sugeriu um brinde (eu namorava na época mas era com um bom moço na igreja) eu jamais pensou que nós três passando o ano novo juntas imaginaríamos fazer… A Juliana levou uns baseados e realmente ficamos chapadas falando um monte de besteiras e sobre o sexo também… Estávamos na cobertura da Luana e seu marido viajou… Foi o início de tudo… A Luana levantou a o copo de vodka conosco vendo os fogos e realmente chapada gritando:

– Se eu trair meu marido que sejam dois!!!
Eu e a Juliana loucas rimos e essa levantou seu copo batendo:
– Que eu faça uma orgia lésbica!!!
Agora eu e a Luana rindo nos olhamos e a Juliana chapada falou:
– Anda inocente!!! Acha que aquele seu namoradinho me convence???
– Quero ser dominada e comida amarrada… Quero chicote!!!
As duas me olharam mais apavoradas que nunca… Mas era meu eu falando alto bem chapada… Como meu padrasto me dominava (até naquela época) eu queria realmente ser uma escrava… Masturbava-me louca vendo os vídeos de dominação e mais fazia isso que sexo… Meu namorado não sabia do meu padrasto mais eu imaginava os dois… Enfim não sei o que me deu… Depois dos fogos veio a chuva e bêbadas entramos na sauna pensando nas bobagens que tínhamos dito… Mas a Juliana e seus baseados tinham um fundo de razão quando essa conosco terminando os baseados tirou o top do biquíni e exibiu seus seios deliciosos com piercings pequenos nos bicos falando:
– Nós somos amigas… BFFS… Realizem-me meninas… Não é nada demais…

Eu e a Luana nos olhamos e vimos que o estrago estava feito… A Luana loira lindíssima estilo esposinha troféu é pequena e tirou o top rosada de vergonha mas tesuda… Beijou-me não deixando a Juliana se aproximar… Eu viajei naquela boca deliciosa de lábios finos e depois muito tesuda nos olhamos prometendo mais… A Juliana implorava e nós duas ajoelhamos e cada uma pegou um dos seios da ruiva que começou a gozar… Ela chegou a soluçar quando puxamos de leve as deliciosas argolinhas e depois tiramos sua calcinha contemplando uma deliciosa xoxota ruiva com lábios grandes e um grelo bem desenvolvido também com um piercing… Mamamos as duas ao mesmo tempo e nossas línguas cruzavam quando ela ganiu e soltou seu gozo… Ela delirou nos pedindo mais e ficou uma verdadeira puta… Abriu a xana agradecendo louca e pedindo que não parássemos… Não sei o peso de estarmos altas ali mas torturamos a ruiva com gosto… A Luana pegou um consolo enorme e simulou comer a Juliana e por fim as duas tentavam colocar meus seios para fora (os bicos) e colocando as unhas neles me fazendo gozar… A Juliana disse que se eu colocasse piercing eles sairiam… Dormimos exaustas e quando acordamos a Juliana já tinha partido… Seu celular não atendia e passamos uma tarde de namoradas eu e a Luana sendo que ela por ser casada era mais madura… A Juliana porém era meio alcoólatra e por fim veio a semana… Nos evitamos as três a ponto de somente combinar o encontro na sexta-feira e dessa vez seria na casa da Juliana que eu esqueci ser noiva…

O sábado foi apreensivo para mim… Eu imaginava que o desejo de cada uma, visto que a Juliana tivera o seu aconteceria alguma hora… E meu nervoso subia pois éramos amigas agora mais que confidentes… Não era a primeira mulher que eu beijara mas era diferente… Vi o carro da Luana passar e demorei uma meia hora até ir à casa da Juliana a poucos metros dali… Cheguei e senti um clima… A Juliana já alegre pois bebera umas cervejas a mais e a Luana sóbria falando que resolveríamos umas coisas… Afinal ela era casada e me pareceu séria saindo comigo e a Juliana no seu carro falando que discutiríamos as três… A Juliana falou algo no seu ouvido e eu fiquei no banco de trás… E para minha surpresa chegamos a um motel onde quem se apresentou foi a Juliana sendo reconhecida pela recepcionista e pedindo a mesma suíte de sempre… Entramos e tinha umas coisas estranhas… Elas riram e me beijaram…
– Surpresa putinha!!!
Meu frio na espinha se deu assim como quando lembrei que ao revelar minhas fantasias a Juliana ficou com os olhos brilhando…
– Se vamos continuar tem que ser tudo consentindo entendeu Edna???
– Mas o que vocês vão fazer comigo???
– Se você não gostar prometemos parar… Só prazer…
– As duas começaram a me mamar e me beijar e a Luana alcançou minha xana ficando nua primeiro e com piercings agora como a Juliana o que me deu a entender que as duas tinham aprontado… A Juliana caiu na minha xana e tomamos banho juntas sentando e essa nos dando baseados… A Luana sentou por trás de mim e prendeu minhas mãos… A Juliana me dava baseado tapando meu nariz e enfiando sua língua enorme (operada) na minha boca e a Luana prendendo minhas mãos com as suas… Depois de bem chapada a Luana abriu uma vodka e foi o bastante para a Juliana tomar sua forma perversa me perguntando docemente tirando da bolsa uma algema:
– Você nos autoriza???
Não respondi e tomei um tapa nos seios e gritei:
– Eu quero… Maltratem-me…
A Luana me algemou falando que não acreditava que estava fazendo isso… Meu tesão foi a mil quando as duas sentaram na cama mandando eu lamber e apenas olhando o celular e mandando mensagens… A Luana gozou na minha boca falando:
– Mas hoje é a vez dela… Não é isso???
Eu berrava e era ignorada até a Luana atender ao telefone a Juliana me silenciar com sua calcinha e depois por fim atender o noivo explicando com a Luana quase rindo:
– Amor vou dormir na casa da Luana… Um beijo…
– Agora acabou não é???
As duas riram e me colocaram bem chapada em um cavalete inclinado e que na frente tinha duas argolas e atrás outras duas maiores e assim fui presa e amarrada… As duas me mostraram as conversar no whatsapp e eu fiquei aterrorizada… Dois homens que trabalharam de pedreiro na casa da Juliana viriam… Fazia tempo segundo ela e hoje eles eram universitários e bons comedores… Elas então me mostraram três piercings e eu berrei mas a Juliana fria como nunca colocou um plug na minha xana e um supositório anestésico na minha bunda… Depois com uma pinça e muita dor um bico meu foi puxado e tirado forçado para fora e senti a Juliana furar e eu berrava abafado…
– Enquanto você estiver gozando assim fica difícil acreditar que sofre…
Minha xana pingava e a Luana apenas colocou álcool depois do meu piercing ser colocado se repetindo com o outro seio… Eu gozava já quase inconsciente quando o interfone do motel tocou e ela mandou subir… Nos deparamos com dois machos altos fortes e lindos de seus 28 anos que eram o Vitor (esse bem branco) e o Jonas (esse mulato) e a Juliana para espanto de todos nos apresentou:
– Meninos essa é a escrava e essa a casada…
A Luana ficou receosa mas foi ajoelhada e começou a mamar os dois que gemiam ouvindo a antiga patroa:
– Amiga mamar não é trair…
Depois eles disseram que iam gozar e elas me colocaram vendadas tirando a calcinha da minha boca e mandaram eu abrir… Se mordesse puxariam minhas argolas… E comecei a sentir pintos entrando e saindo na minha boca… Um mais comprido e outro mais grosso… A Luana mandou eu beber falando:
– Vamos machos… Hoje vocês vão usar essa putinha novinha…
Eu senti um após o outro me lotarem de esperma e eu mamei como sempre sonhei secretamente… Não sei quem gozou primeiro… As duas tiraram minha venda e a Juliana puxou meu grelo colocando o último piercing… Eu já não tinha como me debater… A Luana colocou uma camisinha no Vitor e esse encaixou na minha bunda metendo me ignorando e batendo na minha bunda… Eu presa era mamada pelas duas mas a Juliana ficou por cima da Luana e abriu sua buceta e rapidamente o Jonas encaixou fundo nela que gritou não e falou das camisinhas… A sacana lhe deu uma pílula e vodka e obrigou ela a mamar seus seios enquanto o macho ouvia:
– Come ela que já dei a camisinha Jonas…
– Não acredito que vamos comer as duas…
– As três…
A Juliana colocou sua xoxota na minha boca e falou que eu não sentiria dor… Mas na xaninha… E ria… Nossa… Quando o Vitor encostou as bolas no plug da minha xana senti que estava sendo fêmea de verdade… O Vitor tem 22 cm de pinto e é mais fino mas grosso demais… O Jonas segurava a Luana pelas ancas e a Juliana se tocava… O Jonas esporrou primeiro e dentro da Luana em êxtase… O Vitor disse que ia gozar e a Juliana tirou ele de mim e arrancou a camisinha… A Luana tentou fugir mas levou de quatro na xoxota o pinto largo como uma lata de cerveja na xoxota… Urrou… Gozou… A Juliana deu viagra aos machos e o Jonas veio comer minha bunda… A anestesia estava passando e eu gemia com a xoxota ruiva na minha boca…
– Já vamos te soltar gatinha… Mas antes…
O Jonas urrou e comigo gozando muito continuou sem camisinha com a Juliana me soltando do cavalete e me colocando algemada de frente… Ela meteu uma pílula na minha boca dando vodka e os seios e mandando eu arreganhar a xana dando petelecos doloridos no meu inchado grelo… O Jonas meteu ouvindo ela dizer:
– Já dei camisinha também…
O Jonas me arrombou e eu comecei a pedir mais… O Vitor continuou na Luana que gemia com ele como namorada… Esse espirrou na sua xoxota e então com o Jonas esporrando em mim fui colocada de novo no cavalete mas sem ser amarrada… Para o meu tesão a Juliana veio com um chicote com três pequenos canings ma ponta… Eu urrei de tesão com ela me marcando toda e depois jogando vodka… Ela me fez contar até 50, tempo em que os dois comiam a Luana… Essa suava de tesão e eu junto… A Juliana me deixou no canto extasiada de gozo e começou a lamber os dois e esses a comeram… A Luana assistia comigo me lambendo os seios ou a xana tesuda… A Juliana destruiu os dois pintos e ainda fez nós duas tomarmos um banho de leite com os dois esporrando em nós na sua última esporrada… Gozem nas fotos e comentem se querem continuação… Beijos da Edna!!!

Contos relacionados

Comentários

© 2019 - X Contos Eroticos