X Contos Eroticos » Fantasias » Minha primeira vez num Gloryhole

Minha primeira vez num Gloryhole

  • 7 de maio de 2024
  • 160 views

Hoje vou contar nesse contos eróticos a minha primeira e única experiência que tive em uma cabine gloryhole.

Sempre fui muita aventureira no quesito sacanagem, porém nunca tive curiosidade ou visto esse tipo de lugar. Certo dia vi algumas pessoas conhecidas na internet falando da experiência e decidi pesquisar em sites pornos. Logo de cara já fiquei com muito tesão nos videos principalmente por adorar chupar rola e ser com desconhecidos kkkkkkkk

Logo após me acabar de ver os vídeos, pesquisei lugares que tinham essas cabines bem discretas até achar um local. Por coincidência, uma velha amiga que me acompanhava em diversas aventuras já tinha ouvido falar de um local e me recomendou ir de noite que era o horário com mais caras. Não pensei duas vezes, me arrumei toda e coloquei minha melhor lingerie e parti para o local.

Chegando lá, tinha um rapaz na recepção do local que me explicou as regras do lugar, concordei com tudo e o msm rapaz me levou até uma das cabines. Entrei na cabine que era grande comparado com as dos vídeos, e tinha uma cadeira no meio da cabine e um pouco atrás uma parede com um buraco. Sentei na cadeira um pouco tensa, mas ao msm tempo com bastante tesão a espera de varias rolas que iria experimentar naquela noite.

Não passou 5 minutos e surge o primeiro pau no buraco, estava mole ainda, porém era grande e lindo, comecei a chupar com muita vontade até deixar bem duro na minha boca. Passados 6 minutos o rapaz do outro lado bateu na parede para avisar que iria gozar, comecei a punhetar e ganhei um pouco do leite grosso na boca. Estava uma delicia.

Logo em seguida, chegou o segundo que já estava duro, porém um pouco menor que o primeiro. mamei por uns 2 minutos e gozou pouco.

O 3° da noite apareceu com um pau muito grosso que mal cabia na minha boca. Mesmo assim, encarei com um boquete delicioso e o msm gozou após uns 7 minutos.

Depois decidi tirar a minha roupa e fiquei apenas de calcinha dentro da cabine. Já estava ambientada com o local e toda aquela tensão do inicio, virou um tesão absurdo por todas aquelas rolas lindas e maravilhosas

A partir do 4°, os rapazes já chegavam com o pau bem duro e gozavam bem rápido na minha boca e nos meus peitos.

Alguns acabavam ficando um pouco tenso durante o boquete e não avisavam que iam gozar, o que eu estava adorando aquilo pq o leite ia todo na minha garganta.

Quando acabava de mamar um, outro já aparecei e aquilo ia só aumentando o meu tesão que decidi tirar a minha calcinha e me masturbar durante o boquete que fazia neles.

Alguns gozavam muito e ia escorrendo a porra dos meus peitos até a minha buceta.

Passado quase uma hora, eis que surge o melhor pau da noite, era uma rola negra de mais ou menos 23cm que para punhetar ele precisava das minhas duas mãos. Comecei lambendo as suas bolas até encaixar todo o pau na minha boca, quanto mais chupava, mais duro ficava. O rapaz do outro lado gemia de tesão e isso ia me deixando com mais vontade de chupar. Depois que quase 12 minutos o msm bateu na parede avisando que ia gozar, abri bem a minha boca perto do seu pau e ganhei uma quantidade de porra maravilhosa na boca. O rapaz parecia não gozar a semanas e assim que gozou eu o agradeci, o msm respondeu “eu que agradeço”.

Depois disso, fiquei esperando por um tempo e não apareceu mais nenhum, até alguns minutos depois o rapaz da recepção me avisou que já estava no horário de fechar, por isso não estava aparecendo mais nenhum. Fiquei triste por estar fechando, mas ao msm tempo realizada com toda aquela experiência. O msm rapaz da recepção comentou que os rapazes saiam super felizes e doidos para voltar lá e sentirem a minha boca em seus paus.

Em breve estarei lá de novo e conto tudo pra vcs, um beijo.

Contos relacionados

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2024 - X Contos Eroticos