X Contos Eroticos » Corno » Fantasia erótica do corno

Fantasia erótica do corno

  • 2 de janeiro de 2019
  • 452 views

Tenho muitas fantasias mas a fantasia que quero realizar primeiro e fazer um menage masc, afinal ela merece, e eu tenho tambem a maior vontade de ver minha esposa dar pra outro homem,… e fico imaginando que maravilha que seria, se numa viagem de férias por exemplo, nos hospedassemos em um desses hoteis ai do centro de São Paulo onde tem apartamentos que são conjugados, e onde quando estivessemos jantando ou tomando um drink no bar do hotel conhecessemos um homem bonito forte , bem apessoado, de preferencia desquitado ou mesmo casado,um

desses viajantes de longe.., um homem com bastante experiencia…sadio, e que por força do destino nos fosse apresentado, e iniciado uma boa amizade, e que o mesmo tenha sido despertado pelos encantos e o visual de minha esposa, e que neste jogo de sedução ele percebesse logo qual seria o papel dele e começasse a cortejar minha esposa ,sutilmente, mas com o meu conhecimento, um jogo onde ele pediria permissao para dançar com ela uma musica suave na pequena pista de dança do bar, somente nos tres, naquele bar passado da meia noite, apos a dança ela indo ao banheiro, e ele comentanto o quanto minha esposa era linda, suave … o quanto o perfume dela era bom…e eu ja envolvido na fantasia de te-lo conosco, me derreti em cumplicidade elogiando-a… indo mais fundo começando a contarlhe detalhes que so um homem de bom gosto sabe curtir…incentivand-o a dançar mais um pouco com ela…

minha esposa retornando da toilet, ele como que ja ciente e jogando bem o jogo, pedindo licença para ir tb oa banheiro, nos deixando a sos para que tmassemos a decisao de sim ou não… e eu perguntando se ela gostou dele , se teria coragem … ela me respondendo que se eu consentisse, sim… que foi muito gostoso dançar com ele, que sentiu algo duro e firme cutucar o seu baixo ventre, e que foi ao banheiro porque estava toda melada, me dizendo que o cheiro dele era muito bom…ele voltando, acertando a conta e o convidando para uma taça de vinho em nosso apartamento… ele nos seguindo com um bom papo.. e surpresa o apartamento dele era o apartamento ao lado… aquele que se comunica…entramos, fechamos as portas e abrimos a porta conjugada… a madrugada toda nossa… dois machos e uma mulher desejavel perfumada e sensual… abiriamos um champanhe, a ocasiaõ pedia, apos elogios de sua parte com relação a nos dois, deixo-os a sos por alguns momentos, entro no banheiro, o coração a mil,… aguardo alguns minutos, e quando saio,vejo que apagaram a luz deixando tão somente o abajur colorido aceso, dando ao apartamentoum pouco de penumbra, e nesta penumbra, vejo ele sentado numa grande poltrona , com minha esposa ja sentada sobre suas pernas, os dois ja se beijando com muita paixão, beijos molhados, mistura de linguas e sons do desejo…aos poucos vão se engalfnhando… nem se preocupam quando percebem minha presença, apesar dele ser o macho minha mulher é que domina o momemto, arrasta-o para cima da grande cama de casal macia e arrumada, sento-me então na poltrona, na penumbra do quarto, e me deleito em ver minha esposa pela primeira vez estar com outro homem numa cama..com sofreguidão eles se despem, ela ficando somente com um conjunto de langeri vermelha comprado para a ocasiaõ, uma micro calcinha dividida ao meio no lugar da xoxota como para facilitar a invasão… ele somente de cuecas, num estado de exitação muito visivel, anunciando pelo volume formado o que minha esposinha iria encontrar… se beijam muito, ela morrendo de tzão e curiosidade leva a mao ao seu pau, e se assusta com o tamanho, chega o rosto perto, puxa a cueca e faz saltar um cacete duro , grosso e cabeçudo, com ums boms 22com e com um saco enorme no meio das pernas, um verdadeiro exemplar de macho, um verdadeiro garanhão… ela fica maravilhada, manuseia-o, brinca com ele.. cheiro-o, beija, e tenta enfiar na boca , mama como uma bezerra faminta… ele a faz revirar na cama e a poe sobre si, com a sua bocetinha ao alcance da sua boca e mete a lingua com vontade … ela não aguenta e da uma gozada, o erotismo do momento é demais… mas ele a quer, muda de posição sobe nela e esfrega aquela cabeçona na linda buceta da minha esposa ,eu maravilhado… estatico.. vendo aquela cena… ele então introduz com firmesa aquele pintão, não acreditei que coubesse , mas ela gemeu de prazer e com as pernas o puxou contra si, a bocetinha de minha esposa engoliu tudo so as grandes bolas ficando de fora, começaram um vai e vem suave que foi se acelerando, e ela pedindo que ele a fodesse com força!!! chegaria perto pois eu ja estaria sem roupas tb, começando uma gostosa punheta, ela percebendo, numa pequena pausa me faz confidencias, meu amor ele é gostoso demais , que pau gostoso, vou querer sempre meter com ele, era isto que vc queria meu amor? ver a sua mulher dando pra outro… respondo que sim que a amo dmais , beijo-lhea boca com paixão… ele recomeçam, olha bem ele ta me fodendo como nunca fui fodida… vou querer dar pra lel todo dia, eu agora sou dele tb, é isto que vc gosta e quer meu corninho querido…vc agora é meu corninho … e voltaram a fuder ela ficou de quatro e ele mandou aquela pica enorme na buceta dela, dei o meu pau pra ela chupar, ela mamou um pouco e mandou que eu entrasse debaixo dela pra chupar a sua boceta enquanto ele a fodia por tras, por um momento quiz recusar mas ela era a dona da situação, e então entrei por baixo num 69 com elaela abocanhou meu cacete e comecei a lamber a sua boceta .. o cheiro e o gosto do macho na sua boceta era demais! continuamos assim, metendo chupando , ate que ele anunciou o seu gozo e enfiou tudo nela, eu com a boca mamando no seu grelo, ele esporrou muito, foi tanta porra que vazou pra fora, e senti o gosto, meio salgado, mas suave… não me importei,ja tinha quebrado a barreira ,nesta hora gozei na boca de minha esposa… minha esposa ja havia gosado tb, e ficou por um tempo prostrada na cama, como que desmaiada…. tomamos um banho e adormecemos por um tempo, quando acordei não vi minha esposa e nem ele, mas ao prcurar vi que eles tinham ido para o quarto dele, e ela estava aninhada nos seus braços como se fosse a esposa dele , na outra cama ja dormindo, deixei-os a sos e fiquei pensando no que fizemos… adormecemos então, mas com o dia amanhecendo acorcei com os gemidos de prazer dela, fui ate a porta e fiquei vendo os dois fazerem amor por um bom tempo, onde ela acabou gozando mais umas 3 veses e ele enchendo a sua bocetinha de porra mais uma vez, depois dessa poderiamos ir pra casa satisfeitos ela iniciada e eu com minha fantazia realisada … quem sabe um dia esta situação pode acontecer?

Contos relacionados

Comentários

© 2019 - X Contos Eroticos